A movimentação de navios com segurança no Porto do Mucuripe e no Terminal do Pecém nas mãos de quem conhece o caminho das águas.



Em 1939, por força de decreto-lei baixado pelo presidente Getúlio Vargas, foram nacionalizadas as praticagens. Os estrangeiros não podiam mais executar esse tipo de tarefa. Foram, então, formadas as associações de práticos, aproveitando os brasileiros que eram empregados dos estrangeiros, e também, práticos do Lloyd Brasileiro.

CDC capacita para novo Sistema de Gestão de Portuária (SIGEP) do Porto de Fortaleza.

CDC capacita para novo Sistema de Gestão de Portuária (SIGEP) do Porto de Fortaleza. Representantes da comunidade portuária estiveram na Companhia Docas do Ceará (CDC), ao longo do dia 16 de janeiro, para participar de treinamento sobre o novo Sistema de Gestão de Portuária (SIGEP) do Porto de Fortaleza. Na oportunidade, conheceram o módulo de controle de acesso de veículos e pessoas ao Porto, que está em fase de teste e funcionará em definitivo a partir do dia 29 de janeiro deste ano.

Especificamente este módulo foi desenvolvido para atender à Portaria Nº 50, da Alfândega de Fortaleza (Receita Federal), que disciplina a entrada, permanência e saída de pessoas e veículos ao interior do Porto de Fortaleza, a partir de um Bando de Dados Informatizado (BDI).

Desde o ano passado, a CDC realiza treinamentos com representantes de agentes de navegação, operadores portuários, praticagem, transportadoras e prestadores de serviço dentro do Porto de Fortaleza para disseminar informações sobre o novo SIGEP. O sistema poderá ser acessado pelo link: sistemas.docasdoceara.com.br/sigep, mediante login e senha.

Mais informações sobre o novo SIGEP pelos telefones (85) 3266.8874/8926.

Fonte: Docas do Ceará / Nathalia de Sá / Jornalista.

+ listar todas as notícias


Tábua de MarésMetereologiaDensidade
0